Lesson

O que é um CFD?

O CFD também é conhecido como contrato por diferença. É um produto derivado com um ativo subjacente na sua base. Os CFDs permitem que negocie com base no movimento dos preços dos ativos financeiros subjacentes (como índices, ações, criptomoedas e commodities).

Um CFD funciona como um acordo para negociar a diferença no valor de um ativo desde o momento em que o contrato é aberto até o momento em que é fechado. É importante observar que, com um CFD, nunca possui realmente o ativo ou instrumento que escolheu para negociar, mas ainda assim pode beneficiar se o mercado mover-se a seu favor, ou perder se o mercado mover-se contra.
Desta forma, um CFD permite que negocie com quase todos os ativos subjacentes, incluindo aqueles que são considerados “raros” ou quase impossíveis de negociar. Um índice, por exemplo, contém um grande número de ações diferentes, o que normalmente exigiria um grande capital para ser adquirido. Os CFDs oferecem a oportunidade de especular sobre o preço de tal índice sem ter que investir uma grande quantidade de capital. Em vez disso, escolhe exatamente quanto gostaria de investir e os seus lucros ou perdas também são relativos ao volume da sua posição.
Depois de a fechar a sua posição, o lucro ou prejuízo é calculado determinando a diferença entre a abertura da posição e preço de encerramento do ativo subjacente. Quanto mais o ativo subjacente se move na direção prevista, mais pode lucrar e vice-versa.

Como funciona?
Um CFD é um produto alavancado, ou seja, pagará apenas uma margem, que corresponde a uma fração do valor real da posição. Usar alavancagem também significa que só precisa depositar uma pequena percentagem do valor total da negociação para abrir uma posição. Isto chama-se “negociação em margem”. Embora permita ampliar os retornos, as perdas também serão ampliadas, pois baseiam-se no valor total da posição.
A alavancagem essencialmente permite que tenha lucros ou perdas ao negociar volumes maiores com pouco gasto de capital. Isso também implica que pequenas variações de preços podem criar altos lucros, bem como grandes perdas.

Como abrir uma posição de CFD
Antes de abrir uma posição de CFD, é necessário decidir primeiro se deseja investir na alta ou na queda dos preços do ativo subjacente. Depois de abrir uma posição de CFD, a mudança de preço ocorrerá. No encerramento, será calculada a diferença entre o preço de abertura da posição e o preço de encerramento da posição.

A diferença multiplicada pelo seu volume negociado determina o seu lucro ou perda, dependendo se foi definido para cair ou subir. Também é importante observar que, a menos que esteja a negociar contratos futuros sobre certas commodities, os CFDs não têm prazo de validade.

Lotes e pips
Um CFD é sempre calculado de acordo com o tamanho do contrato. O tamanho desse contrato ilustra até que ponto um ativo é negociado. Um contrato padrão também conhecido como lote, para o par de moedas EUR/USD equivale a um volume de US$ 100.000. O próximo passo importante é saber o valor de um pip. Um pip é o menor valor contabilizável do ativo subjacente. Para o par de moedas EUR/USD, um pip tem o valor de 0,0001.

Lucros e perdas
O lucro ou prejuízo exato depende do preço e do tamanho do contrato. Sempre que negocia um CFD, está a lidar com grandes volumes, que são calculados de acordo com esta fórmula:

Preço de compra/venda * tamanho do contrato * número de contratos

Vamos supor, por exemplo, que deseja abrir uma posição num preço EUR/USD em queda com um lote padrão, ou seja, com o seguinte valor de posição: US$ 1,09715 * US$ 100.000 * 1 = US$ 109.715. Para abrir qualquer posição, precisa de ter saldo na sua conta de negociação. Ao abrir uma posição, um depósito de garantia será deduzido do saldo da sua conta, esta é a chamada Margem.

Para a posição EUR/USD esta é calculada em 1% do valor da posição. Isso significa que, para o exemplo acima, precisaria de ter um depósito de garantia de US$ 1.097,15; este valor deve estar disponível na sua conta de negociação.

Em caso de lucro
Supondo que o mercado se comporta da maneira que antecipou, o preço EUR/USD cai para um novo nível de US$ 1,09153/1,09161. Abriu uma posição num preço em queda, o que significa que teve que vender EUR/USD primeiro e comprá-lo de volta depois para fechar a posição. Portanto, para si, o preço pedido de US$ 1,09161 é importante. Com um CFD, a diferença entre as posições é usada para o pagamento. O que significa que sua posição para este preço tem um valor atual de: US$ 1,09161 * US$ 100.000 * 1 = US$ 109.161

Visto que aparentemente abriu uma posição numa taxa de câmbio em queda, o cálculo dos seus lucros seria o seguinte: Preço de entrada – Preço de saída = Lucro = US$ 109.715 – US$ 109.161 = US$ 554

Ao fechar esta posição, US$ 544,00 serão creditados na sua conta. Além disso, o seu depósito de garantia inicial (Margem) US$ 1.097,15 também será disponibilizado novamente.

Em caso de perda
Nesse cenário, o mercado comportou-se contra o que previu. A taxa de câmbio EUR/USD sobe para um novo nível de US$ 1,10248/1,10256. Novamente, o preço pedido é importante. O preço pedido agora é US$ 1,10256, dando à sua posição um valor de: 1,10256 * $ 100.000 * 1 = US$ 110.256

A sua perda seria calculada usando a seguinte fórmula: Preço de entrada – Preço de saída = Perda = US$ 109,715 – US$ 110,256 = – US$ 541

Lembre-se que, como já reservou um depósito de segurança de US$ 1.097,15, do qual a sua perda nesta posição seria deduzida, a diferença de US$ 556,15 seria devolvida à sua conta.